quinta-feira, dezembro 27, 2007

Ciclo Vicioso

Essa é ótima.

"Cerca de 50 índios pataxós estão acampados na entrada de um assentamento do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), em Terra Nova, município a 82 quilômetros de Salvador.
Os índios afirmam que a área faz parte de território indígena e que só saem do local depois de negociação com representantes do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e da Fundação Nacional do Índio (Funai).
No assentamento moram 31 famílias há nove anos. Os índios estão bloqueando o acesso dos assentados à estrada."
Fonte: Terra Notícias 27/12/2007


A zona é geral, incapaz de ser imaginada por Stalislaw Ponte Preta em seu Febeapá.
Um fazendeiro ocupou alguma terra devoluta, possivelmente vazia desde as Capitanias Hereditárias. Os sem-terra invadiram essa fazenda e expulsaram o fazendeiro. Os índios estão a expulsar os sem-terra.
Na seqüência, os índios serão expulsos por elementos do recém-criado MLSL - Movimento dos Latifundiários sem Latifúndio. Mas será por pouco tempo. Serão, por sua vez expulsos e sucessivamente por outros movimentos ditos sociais, tais como:

MVSP - Movimento dos Veranistas sem Praia
MASR - Movimento dos Aposentados sem Reajuste
MICSB - Movimento Infantil das Crianças sem Barbies
MEPP - Movimento dos ex-Padres Pedófilos
MMSC - Movimento dos Motoristas sem Caminhão
MMSM - Movimento dos Mensaleiros sem Mesada
MCSP - Movimento dos Carecas sem Peruca

Após a bagunça decorrente das disputas, prevalecerá o movimento social definitivo que será promovido pelo MPSL - Movimento do Povo sem Lei. O qual, imediatamente após assumir o controle e contrariando sua original orientação político-ideológica, promulgará uma lei colocando todos os outros movimentos na ilegalidade.
E o ciclo recomeçará.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home