segunda-feira, maio 04, 2009

Acidentes de 1º de Maio

A CBN Brasília veiculou, hoje, entrevista com o policial rodoviário Deluca Barbosa, um dos inspetores da briosa PRF.
Segundo ele, o número de acidentes neste feriadão superou o do ano passado e ele, altruisticamente, propõe-se a trabalhar ainda mais para sua redução. Fantástico.
O filósofo dos extintores de incêndio declarou, ainda, um número não significativo de motoristas autuados com algum bafo de álcool, oportunamente taxados de bêbados para as estatísticas.
Após surpreendente demonstração de erudição, acusando-os de alcoolemia (sic), pôs a culpa dos acidentes no excesso de velocidade, propiciada pelas boas condições das rodovias. Segundo o fiscal de ipeveás e de estepes, depreende-se, fossem as estradas esburacadas, menos acidentes ocorreriam.
Mais uma vez, fantástico.
Fico eu a pensar sobre a real necessidade dessa corporação, muito bem paga por sinal. Quanto mais penso, mais me convenço de sua absoluta inutilidade. Muito ganharíamos se os postos rodoviários atuais fossem substituídos por paramédicos e guinchos. O policiamento pode muito bem ser realizado com as forças policiais de cada estado. E o atual contingente, para não ficar desempregado (até em razão de sua estabilidade), que fique incorporado à Polícia Federal, mesmo que na fiscalização de escadas e corredores, se lhes faltar competência para outra coisa.
A não ser que o tal Deluca candidate-se a pilotar uma ambulância, no que seria muito mais útil à sociedade.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home