quinta-feira, junho 07, 2007

Reverências e Rapapés

Como minha diplomacia vai pouco além de meu umbigo, posso estar sendo um dinossauro na capacidade de manter relacionamentos. Por isso mesmo, não consigo entender algumas ações do Itamaraty e do próprio Lula.
Chavez meteu o nariz num vespeiro ao atacar uma instituição nacional, gostemos de seus componentes ou não. Mas a instituição Congresso Nacional é importante para o Brasil desde antes de sua independência. A instituição merece respeito.
No primeiro instante, chamar às falas o representante da Venezuela para explicar o acesso verborrágico do bufão foi a atitude correta.
Porém, ontem, o rotundo ditador agradeceu a Lula e ao Itamaraty declarações que teriam sido prestadas à imprensa inglesa, afirmando que ele, o ovo da serpente, não representava um perigo e que era, antes de tudo, um parceiro.
Agradeceu também ao PT e ao MST as moções de apoio.
Que a figura do Lula é maior que o PT não há dúvida. Mas será que o PT estaria repercutindo instruções recebidas do próprio Lula?
Que o MST, movimento político desestabilizador, tenha apoiado Chavez, entende-se. Para esses criminosos, qualquer ataque a qualquer instituição soma a seu ideário para ocupação do poder.
De forma geral, a condução da política externa pelo governo Lula tem buscado objetivos nacionais relevantes. Considero mesmo que é um dos pontos altos de seu governo.
Mas a tibieza no enfrentamento, quando necessário; a timidez na resposta aos ataques e o alinhamento subalterno a um ditadorzinho de meia-tigela, isso, não consigo entender.
Ou está fazendo o mesmo jogo de Chavez, com uma desfaçatez de vilão de novela, ou esses rapapés são mero jogo diplomático de ataque velado nos bastidores e cumprimentos ostensivos, ou pura e simplesmente refletem o irrealismo no julgamento crítico das ameaças que o farsante caribenho representa à soberania nacional e aos interesses brasileiros.
É bom agirmos para reduzir Chavez à sua verdadeira insignificância, pelo perigo que pode representar.
Sem palanques, reverências ou rapapés.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home